“II Edição da Missão Virada Radical”

SOROCABA PROMOVE 2º EDIÇÃO DA MISSÃO VIRADA RADICAL

A 2º edição da Missão Virada Radical do Ministério Jovem da Arquidiocese de Sorocaba, foi realizada nos dias 06, 07 e 08 de outubro de 2017, na cidade de Piedade – SP, e reuniu cerca de 70 jovens das cidades da Arquidiocese de Sorocaba.

Com o tema “Apascentai as minhas ovelhas”, a missão começou na sexta-feira (06), com a recepção aos missionários no salão paroquial da Matriz Nossa Senhora da Piedade, que  contou também com um momento de investidura onde os missionários receberam seus kits e realizaram um momento de oração com seus líderes e equipes, a noite se encerrou com um momento de adoração, e como moção “Dar tudo pelo tudo” de São João Paulo II.  VR

 

 

 

 

O sábado (07), se deu início com a Santa Missa presidida pelo pároco Luciano Abes, na comunidade Nossa Senhora de Fátima, no bairro Vila Moraes (1º campo de missão), na homília foi nos lembrado da importância do anúncio e vida missionária, após os missionários saíram divididos por equipes em missão pelo bairro, de porta em porta, com o objetivo de anunciar o amor de Deus, do bom pastor que estava indo ao encontro de cada um deles.

 

Para Daniel Fraga (atual coordenador do MJ Arquidiocese de Sorocaba), que viveu a missão “Ficar inserido dentro da equipe junto com a juventude foi maravilhoso, pude saber mais da realidade dos jovens, essa missão marcou profundamente minha vida, minha fé, e dentre tantas casas que fui, a casa do sr. Joaquim foi a que mais me marcou, porque lá o Senhor nos amou, e amou aquele irmão, que é tão precioso, e me fez ter mais certeza ainda do Cristo ressuscitado na vida dos irmãos”.

Na parte da tarde, foi realizado o famoso “arrastão” pelo centro da Cidade, onde os missionários saíram as ruas cantando e evangelizando as pessoas, com olhares de alegrias, sorrisos e amor.

 

 

Flávio Camargo (atual coordenador do MJ da Cidade de Piedade) testemunhou que “Uma chuva de graças foi derramada sobre a Cidade, foi gratificante ver uma juventude unida e com um grande sorriso tomou conta das ruas da cidade, levando a alegria verdadeira, a mensagem do amor de Deus, a graça do batismo do Espírito Santo na vida de tantas famílias e a todos que se encontravam, permanece em nós a alegria e gratidão.

 

A noite foi realizado um Grupo de Oração em unidade com GOJ Jovens de Jesus, e com o tema “Apascentai minhas ovelhas”,  conduzido por Flávia Santana, e tendo como pregadora Adriana Soares da Silva, onde foi nos lembrado da importância da missão, ela em si no dia a dia,  a noite se encerrou com um jantar, onde os missionários puderam dar seus testemunhos das graças de Deus. 

O domingo (08), iniciou-se com momentos de oração, e logo após os missionários foram para o Bairro Bom Pastor (2º campo de missão),  onde algumas equipes foram de porta em porta anunciando o amor de Deus através do querigma, e outras equipes se uniram na quadra do bairro, onde foi realizado o projeto “Abraço de pai”, em conjunto com a promoção humana da Arquidiocese o projeto a qual é social, e dentre a programação foi realizado pregações, tendo como pregador Marcos Patrocínio que deu seu testemunho de uma vida desregrada até o encontro e conversão com o Senhor, e de Gelfe que atualmente é presidente de uma casa que abriga e auxilia crianças para adoção, também contou com profissionais de diversas áreas, como atendimento psicológico, cabeleireiro, manicure, enfermeiros, ministério para as crianças com parte de espiritualidade e oração, e também com o Cristo fitnes, onde as pessoas puderam se alongar, dançar e entre isso realizar momentos de oração.

Jefferson Rodrigues (atual articulador na Missão na Arquidiocese), nos contou que “A Missão Virada Radical foi para mim viver as surpresas de Deus. Ele nos surpreendeu em tudo nesta missão. Nos levou a lugares que não imaginávamos, a viver experiências únicas e experimentar o amor de Deus no olhar, no sorriso e na alegria de quem evangelizava e de quem era evangelizado, costumamos dizer que na missão Deus fala no mais simples, e nesta edição vivemos disso, pois Deus falou a todo tempo e em todas as coisas”.

A Missão se encerrou com a Santa Missa na Matriz Nossa Senhora da Piedade, presidida pelo pároco Júlio César Fernandes e vigário Wiliam Coimbra, que em sua homília lembrou daquilo que o Papa pede “Uma Igreja em saída”, e que a  missão é o transbordamento do amor de Deus, onde Deus usou do sim dos missionários para poder tocar o coração do seu povo.

Missão a qual acontece, porque a ação missionária é parte de identidade do Ministério Jovem e corresponde a voz da Igreja que diz: “Saiamos para oferecer a todos a vida de Jesus Cristo” (Evangelii Gaudium, parágrafo 49). Uma Nova Geração que tem um rosto missionário, e aberto para fazer aquilo que o próprio Papa nos pede “Prefiro uma Igreja acidentada, ferida e enlameada por ter saído pelas estradas, a uma Igreja enferma pelo fechamento e comodidade de se agarrar as próprias seguranças” (Evangelii Gaudium – Papa Francisco).

Confira  as fotos 

Acompanhe nossa página

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *